Plano Estratégico do COC publicado como Estudo de Caso pelo Comité Olímpico Internacional

O Plano estratégico do Comité Olímpico Cabo-verdiano acaba de ser publicado no livro de Gestão Avançada de Organizações Olímpicas como estudo de caso pelo Comité Olímpico Internacional, no qual irá servir como exemplo para todos os Comités Olímpicos Nacionais do mundo.

Este plano que abrange o período de quatro anos, de 2016 a 2020, contou com a colaboração de todas as Federações desportivas do país, criadas até 2016, Comissões do COC e Direção Geral dos Desportos, tendo como gestor de criação, o gestor desportivo e ex-secretário executivo do COC, Leonardo Cunha.

Ao receber tal noticia a Presidente do COC, Filomena Fortes, numa declaração conjunta com o gestor desportivo Leonardo Cunha revelaram que “é com satisfação que vemos o COC como estudo de caso no livro de gestão avançada do COI e que seja como um exemplo para outros Comités Olímpicos na área do planeamento estratégico”.

“O Plano estratégico foi elaborado por uma comissão de contribuição estratégica formada pelos associados do COC e pelos seus órgãos sociais, por isso estão todos de parabéns”, realçaram Fortes e Cunha.

De realçar que é a segunda vez que Cabo Verde é indicado como estudo de caso para os Comités Olímpicos do mundo, já em 2017 havia tido o projeto VerdeOlympics como pré-estudo de caso, na área da preservação ambiental através do desporto, um dos pilares do movimento Olímpico.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *